previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider

Este projeto de arquitetura de habitação parte de uma construção pré-existente com diferentes ampliações em anexos de fraca condição arquitetónica. Através de uma reinterpretação das relações entre espaços funcionais, teve como objetivo o desenvolvimento de um novo espaço e projeto que atribui uma maior qualidade do conforto ambiental, com a superação das debilidades ao nível de comportamento térmico, ventilação natural e usufruto da luz natural.

Pretende este projeto de reabilitação unificar o conjunto entre os diferentes tipos de construção e criar um percurso com diferentes sequências funcionais, distinguindo a área privada da área social que está em relação direta com o exterior e piscina.

O programa tem por base a tipologia T3, criação de zonas de refeição e de estar em relação direta com o espaço exterior de lazer e um compartimento funcional, definido como lavandaria, com localização da maquinaria de manutenção da piscina. A circulação é estruturada por um corredor que interliga a entrada principal a partir do arruamento público, com a cozinha e pátio interior.

Os preexistentes de fraca qualidade estética e precário conforto habitacional não influenciaram a solução final. Os materiais selecionados pretendem apresentar texturas orgânicas que compatibilizam o ambiente interior com a envolvente exterior, núcleo urbano de baixa densidade com forte envolvência natural. A utilização da pedra nos pavimentos e da madeira em portas, tetos e pavimentos exteriores criam o conforto interior e relação com o exterior.

CONFORTO
VALORIZAÇÃO
REINTERPRETAÇÃO